PMRR realiza solenidade de formatura do Curso Especial de Formação de Cabos

Após dois meses de curso intensivo, a Polícia Militar de Roraima dispõe a partir de hoje, de 40 Cabos PM, que irão reforçar as atividades de policiamento ostensivo. A solenidade de Troca de boina e promoção ao posto militar ocorreu na manhã desta segunda-feira, na quadra de esportes da Escola Estadual Severino Cavalcante, no Bairro Pintolândia.

 

O evento contou com a participação de autoridades estaduais e federais, civis e militares. Além dos estudantes da escola e corpo docente. A Turma recebeu o nome da primeira-dama do Estado, Shéridan de Anchieta que foi homenageada durante a formatura. Ela se disse lisonjeada e compartilhou com os policiais, o sentimento de responsabilidade com a população de Roraima.

Os policiais fazem parte do Quadro Especial da instituição, e concluíram o Curso Especial de Formação de Cabos – CEFS/QE na Academia de Polícia Integrada Coronel Santiago – APICS. O curso foi na modalidade compacto, com aulas específicas e práticas no sentido de assegurar uma melhor assimilação por parte dos alunos e prepará-los para a realidade de Roraima.

Durante o evento, o Comandante Geral da PMRR, Cel. Edison Prola destacou que, ao longo de 90 dias em que o mesmo está à frente da corporação, realizar o CEFC/QE atendendo um anseio antigo dos policiais é motivo de muita satisfação. Principalmente, por ser este um curso que contemplou policiais estaduais da primeira turma, efetivados na Polícia Militar no ano de 2000, por meio de concurso público.

“Possibilitar esta capacitação e, consequentemente, a ascensão funcional dos profissionais da Polícia Militar vai resultar, sem dúvida alguma, em maior sensação de segurança da sociedade. Pois teremos uma tropa cada vez mais motivada na prevenção e combate ao crime” disse.

O governador José de Anchieta acrescentou que, o investimento intelectual é um dos mais importantes na administração pública e deve ser priorizado sempre pelo Poder Executivo Estadual. Ele lembrou que a Polícia Militar de Roraima foi considerada a mais ética do Brasil, em recente pesquisa divulgada nacionalmente, o que demonstra o compromisso dos integrantes da corporação com a missão de servir e proteger.

“Tenho certeza que este é apenas o primeiro passo de uma brilhante carreira profissional que, vai refletir nas famílias de cada Cabo PM e, evidentemente, na sociedade” declarou.